A música no cinema: Mesmo Se Nada Der Certo (Begin Again)

Poster

A música é uma das coisas mais tocantes e encantadoras que existe. Uma das mais emocionantes. E vê-la acontecendo é de arrepiar.

“Begin Again” (filme é de John Carney, o mesmo do aclamado “Once” (“Apenas uma vez”) já nasce com a promessa de nos fazer acreditar em algo a mais, de termos esperança “Mesmo Se Nada Der Certo” (título em português para o filme) ao nos colocar de frente com Gretta, uma compositora recém “abandonada” pelo namorado, o novo popstar do momento, Dave, e com Dan, um produtor musical falido, bêbado e abandonado pela esposa, uma crítica musical, e pela filha.

O caminho dos dois se cruza em um bar em NY quando Gretta acaba, por livre e espontânea pressão de um amigo, em cima do palco com um microfone e um violão para cantar uma de suas composições. Dan, já depois de muitas bebidas após acabar de ser demitido da empresa que ele criou, ouve a voz da jovem e acredita ser aquilo que ele vinha procurando há muito tempo no cenário musical. E com isso, os dois rendem ao espectador uma das muitas cenas de arrepiar do filme quando uma banda imaginária (motivada pelo álcool) toma conta do palco para acompanhar Gretta.

Com personagens por quem nos apaixonamos facilmente, Mark Ruffalo e Keira Kinghtley têm uma química pouco provável, mas perfeita e que faz do filme um romance não-romântico encantador. Mark é sempre ótimo. Keira não deixa nada a desejar cantando ela mesma as músicas de sua personagem. Adam Levine aparece pouco, mas marca presença com aquilo que faz de melhor: cantar.

“É por isso que eu amo a música.”

“Por quê?”

“Uma cena banal, de repente, se enche de significado. Todas as banalidades, de repente, se tornam pérolas de beleza e efervescência. Graças à música.”

Para quem não acha que um filme precisa, necessariamente, de um romance para ser apaixonante, “Begin Again” está na medida certa. Para os mais conectados com a música, o filme é perfeito.

Com algumas cenas que são de arrepiar – como a já citada cena do primeiro encontro entre Gretta e Dan, as cenas da gravação do CD de Gretta em diversos pontos de NY e a cena em que os dois saem andando pela cidade ouvindo músicas no iPod dela (tem vários behind the scenes no Youtube e se eu fosse vocês assistiria todos!) – e de fazer o espectador se remexer na poltrona do cinema ou no sofá de casa, o longa nos conecta com a história dos personagens de uma maneira única.

"You can learn a lot about a pearson by what's on their playlist"

“You can learn a lot about a person by what’s on their playlist”

E claro que não preciso nem falar muito da trilha sonora excelente que gruda na cabeça desde a primeira vez que ouvimos. As letras são lindas, as melodias encantadoras e a composição final de cada música, com elementos do ambiente e “participações especiais”, fazem da trilha sonora de “Begin Again” algo único e viciante. Confiram!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s