Fatos, fotos e memória

Foto

Cada dia que passa tenho me convencido mais de que a vida é de uma fragilidade sem tamanho. Estamos ótimos num minuto e no seguinte somos acometidos por algum mal sobre o qual não temos controle. Entre os que mais vemos e falamos, um em particular me chama a atenção e me atinge de forma mais próxima, particular: o Alzheimer.

A perda da memória é algo que me choca e preocupa. Afinal, para mim, a memória sempre foi uma das poucas coisas que eu sempre acreditei que ninguém poderia me tirar.

“Pegue o dinheiro que iria gastar com coisas e compre momentos. Faça uma viagem, realize um sonho, faça com que seu dinheiro – suado – valha a pena. Faça ele durar para sempre: gaste com algo que você poderá levar com você pro resto da vida: sua memória.”

Sempre considerei a memória como parte importante para o nosso bem estar e qualidade de vida. É a ela que recorremos quando queremos reviver momentos únicos, importantes, bons e alegres (porque os maus momentos devem servir de lição e em seguida serem deletados)… Então como podemos, de uma hora pra outra, não lembrar dessas coisas fundamentais que marcaram e fizeram parte da nossa vida?

Imagine se esquecer daquela viagem que você sempre sonhou em fazer, da sua família, dos amigos que passaram pela sua vida e dos bons momentos que você compartilhou com aqueles que ainda hoje dividem sua rotina com você, do dia do seu casamento, do nascimento dos seus filhos…

Por isso e por 1001 outros motivos, fotografia é uma das coisas que sempre amei. Fotografar é poder imortalizar pequenos momentos, fragmentos da nossa vida, pedaços que ficarão para sempre, mas que jamais farão sentido se não pudermos nos lembrar da história por trás daquele pedaço de papel colorido ou preto e branco.

Se, por fim, nossa memória é a principal responsável por nos proporcionar prazeres, alegrias e lembranças póstumas – com ou sem fotos – acho que devíamos nos preocupar mais com nosso HD interno do que com o externo. Porque quando te levarem a memória, não haverá foto capaz de te lembrar do fato.

Um comentário sobre “Fatos, fotos e memória

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s